Voltar ao topo.Ver em Libras.
Curta no Facebook:
Tempo em Nonoai - RS:
Tempo em Trindade do Sul - RS:
Tempo em Três Palmeiras - RS:
CPZ NotíciasNotícias de Nonoai e região em primeira mão
Última atualização:13 de novembro de 2019,
às 02:25

Datafolha: Bolsonaro à frente de Ciro, Haddad e Alckmin#

« Última» Primeira🛈Categoria:Política
ImprimirReportar erroTags:povo, passando, meirelles, henrique, amoêdo, primeiros, candidatos e conforme222 palavras3 min. para ler
Datafolha: Bolsonaro à frente de Ciro, Haddad e Alckmin - PolíticaVer imagem ampliada
Novo levantamento aponta queda de Marina e empate triplo na segunda colocação

Nova pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira aponta o candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonardo (PSL) na liderança do levantamento, com 26%. Ele é seguido por Ciro Gomes (PDT) e Fernando Haddad (PT) – ambos com 13%. Empatado no limite da margem de erro aparece Geraldo Alckmin, com 9%.

Marina Silva (Rede) voltou a apresentar um índice inferior com relação à pesquisa anterior, aparecendo agora com 8%. Ela empaa com Alckmin na margem de erro – que é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Atrás de Marina, conforme o Datafolha, estão: João Amoêdo (Novo), Henrique Meirelles (MDB) e Álvaro Dias (Podemos), todos com 3%. Cabo Daciolo (Patriota), Vera Lúcia (PSTU) e Guilherme Boulos (PSol) têm 1% cada. João Goulart Filho (PPL) e Eymael (DC) não pontuaram. Brancos e nulos estão em 13%, enquanto não sabe ficou em 6%.

Com relação à pesquisa anterior, dentre os cinco primeiros candidatos, apenas Haddad cresceu fora da margem de erro, passando de 9% para 13%. Bolsonaro oscilou para cima – de 24% para 26%. Ciro manteve os 13%. Marina caiu de 11% para 8% e Alckmin oscilou para baixo, de 10% para 9%.

Ficha técnica

Margem de erro: 2 pontos percentuais para mais ou para menos

Nível de confiança: 95%

Entrevistados: 2.820 eleitores, em 197 municípios

Contratantes: TV Globo e Folha de S.Paulo

Registro no TSE: BR 05596/2018

Fonte: Correio do Povo 


Ver imagem ampliada

Comentários#