Obs.: você está visualizando a versão para impressão desta página.
Voltar ao topo.Ver em Libras.
Curta o site:
Voltar umAvançar umPausar
Nonoai - RS:
Trindade do Sul - RS:
Três Palmeiras - RS:
Notícias de Nonoai e região em primeira mão
Última atualização:26 de julho de 2021,
às 16:38

Quase 2 mil carteiras de cigarros contrabandeados são apreendidas durante operação em Chapecó

  1. Início
  2. Central de ajudaContatoEmpresaNotíciasMapa do site
  3. Polícia
  4. Quase 2 mil carteiras de cigarros contrabandeados são apreendidas durante operação em Chapecó
« Mais recente🔀🛈Categoria:Polícia
ImprimirReportar erroTags:foram, carteiras, anos, cigarros, policiais, chapecó e feira209 palavras2 min. para ler

Mais de mil carteiras estavam em um box no camelódramo
Cerca de 1.733 carteiras de cigarro contrabandeado foram encontradas na Operação Varejo II, deflagrada pela Polícia Militar (PM) na quinta e sexta-feira (13 e 14). A Operação aconteceu em todo o Estado – e, em Chapecó, envolveu mais de 30 policiais. 
De acordo com a PM, estabelecimentos suspeitos predefinidos em um levantamento feito pela Agência de Inteligência foram abordados pelos agentes, em Chapecó na região. A Polícia Militar Ambiental também participou da operação.

No centro de Chapecó, em um box no camelódromo, os policiais encontraram 1.053 carteiras de cigarros ilegais na tarde de quinta-feira (13). Uma mulher, de 25 anos, que se identificou como responsável pelo estabelecimento, responderá pela posse da mercadoria. Os cigarros foram apreendidos e entregues à Central de Plantão Policial. 
Já no bairro Bela Vista, também na quinta-feira, os policiais encontraram 680 carteiras em um mercado e um bazar. No local, havia um caderno com anotações e registros de controle de vendas das mercadorias. Um homem, de 56 anos, e sua irmã, de 49 anos, são donos dos estabelecimentos.
Os proprietários foram conduzidos à Central de Plantão Policial (CPP) para esclarecimentos. Todas as caixas de cigarros apreeendidas serão encaminhadas à Receita Federal.

Fonte da Notícia: Clic RDC
Foto: Reprodução Polícia Militar 

Guardamos estatísticas de uso e utilizamos cookies para melhorar a sua experiência. Saiba mais em nossa política de uso.