Voltar ao topo.
Curta no Facebook:
Tempo em Nonoai - RS:
Tempo em Trindade do Sul - RS:
Tempo em Três Palmeiras - RS:
CPZ NotíciasNotícias de Nonoai e região em primeira mão
Última atualização:27 de junho de 2019,
às 04:49

Terminam as obras no entorno da usina hidrelétrica Foz do Chapecó#

« Última» Primeira🛈Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:volf, isolar, período, todo, ibama, pelo, acompanhadas e autorizadas242 palavras3 min. para ler
Terminam as obras no entorno da usina hidrelétrica Foz do Chapecó - GeralVer imagem ampliada
A Foz do Chapecó Energia finalizou, neste mês de maio, as obras no entorno da barragem. A última etapa dos trabalhos foi concentrada na retirada da parte submersa do muro intermediário do vertedouro. A estrutura, utilizada na construção da hidrelétrica e que não tinha função atual, havia sido danificada pelas cheias de 2014 e 2017.


As obras de recuperação dos estragos causados pelas enchentes começaram em 2017 com o reforço da barragem e a retirada da parte emersa do muro intermediário do vertedouro. Para a remoção do fragmento submerso do muro foi necessário construir um túnel para desviar a vazão sanitária. Esse trabalho foi realizado em 2018, juntamente com a melhoria no trajeto da rodovia ACH-050, que liga Águas de Chapecó a Alpestre. Em fevereiro de 2019, a Foz do Chapecó iniciou a última etapa para retirar a estrutura. Foi necessária a construção de uma ensecadeira, barreira de pedra e argila, para manter seco e isolar o rio do vertedouro. Durante esse trabalho, houve o resgate de cerca de 200 mil peixes. As atividades foram autorizadas e acompanhadas pelo Ibama.


Durante todo o período de obra, a usina manteve sua operação normalmente, bem como todos os requisitos de segurança. "Neste processo, assim como fazemos diariamente em nossas atividades, mantivemos sempre um canal aberto com a comunidade e, as autoridades locais, informadas de todos os passos. Buscamos sempre atuar com transparência para manter a credibilidade junto à população”, explica o diretor superintendente da Foz do Chapecó, Peter Eric Volf.

Comentários#