Voltar ao topo.Ver em Libras.
Curta no Facebook:
Voltar umAvançar umPausar
Nonoai - RS:
Trindade do Sul - RS:
Três Palmeiras - RS:
Notícias de Nonoai e região em primeira mão
Última atualização:2 de julho de 2020,
às 13:30

Presidente do Sindicato Rural de Nonoai avalia perdas nas culturas em decorrência da estiagem dos últimos meses

« Mais recente🔀🛈Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:alfa, acrescenta, obteve, informação, secretário, fábrica, sucos e instalar523 palavras8 min. para ler

  Nesta semana o Jornalista Cristiano Pinto Zamboni entrevistou o Presidente do Sindicato Rural de Nonoai, Fiorentino Facco, onde foi abordado sobre diversos assuntos do setor da agricultora, como os cursos de capacitação pelo Senar, através do Sindicato Rural, e uma avaliação sobre possíveis perdas nas culturas, em decorrência da estiagem que vinha ocorrendo até o dia 09 de janeiro.
Cursos
Segundo Facco, o Sindicato tem a disponibilidade de 200 cursos de capacitação, nas diferentes áreas, para o ano de 2020. Dessa cota de cursos, 50% já foram destinadas, e os demais serão feitas parcerias com entidades para a realização. Os cursos são realizados pelo Senar, através do Sindicato Rural e parceiros.  
Já está em andamento um curso de soldador rural, na comunidade de Linha São José, Nonoai. No período do dia 20 a 23 de janeiro, acontecerá um curso no Sindicato, sobre artesanato em material reciclável.  No dia 04 de fevereiro acontecerá  a 1ª Reunião do ATeG, que será um curso sobre produção de leite, e terá a participação de 30 famílias.  A reunião do dia 04 será para cadastro e informações gerais. A formação iniciará no mês de março e se estenderá até o final do ano, onde 1 vez por mês, durante meio dia, os produtores terão a presença de um veterinário na propriedade. Esse curso será em parceria com a Kiformaggio. Para este ano de 2020 está previsto 2 Programas Leitec, 1 no município de Planalto e outro no município de Alpestre, com a participação de 8 a 12 famílias em cada curso. Esse curso terá o apoio da Cresol. O Presidente Fiorentino Facco também destaca que no município de Alpestre será realizado um curso com a duração de 1 ano, sobre fruticultura. Esse curso  terá a participação de 50 famílias. " O Município de Alpestre tem um forte potencial na produção de frutas, e essa formação será muito importantes”, destaca Facco. Ele ainda acrescenta que obteve a informação do Secretário de Agricultura de Alpestre, que uma fábrica de sucos irá instalar uma unidade no município. No ano de 2020, o Sindicato Rural de Nonoai, através do Senar, irá viabilizar até dois programas Alfa, de Educação para Adultos no meio Rural.
Perdas  na Agricultura
Conforme Fiorentino Facco, o Sindicato Rural fez uma estimativa de perdas nas culturas. Esse estudo foi entregue na Prefeitura Municipal de Nonoai, para que seja dado andamento na documentação a ser apresentada na Defesa Civil do estado, se for o caso, de decretar situação de emergência e para os produtores encaminhar a documentação de seguros em instituições bancárias (Proagro).
Conforme Estimativas feitas pelo Sindicato, até o dia 09 de janeiro de 2020:
Soja: Dependendo do ciclo e  fase da planta, Perdas de até 50 %
Milho: Dependendo do estágio, perdas de 15 a 70 %
Feijão: Perdas de até 30 %
Hortifruti: Perdas de 15 a 40 %
Leite: Perdas de até 30 %
As águas dos Rios e Depósitos diminuíram até  50 % da sua capacidade.
Segundo Fiorentino Facco, esses índices são variáveis, de acordo com a região, mas são reais, e precisam ser observados com atenção, se por ventura continuar com a escassez de chuvas.
O Sindicato Rural de Nonoai abrange os municípios de Nonoai, Rio dos Índios, Gramado dos Loureiros, Trindade do Sul, Três Palmeiras, Planalto e Alpestre.  

Fonte:

Comentários