Voltar ao topo.
Curta no Facebook:
Tempo em Nonoai - RS:
Tempo em Trindade do Sul - RS:
Tempo em Três Palmeiras - RS:
CPZ NotíciasNotícias de Nonoai e região em primeira mão
Última atualização:22 de julho de 2019,
às 23:36

Inverno começa com manhã fria e sexta-feira de sol no RS#

« Última» Primeira🛈Categoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:povo, parte, tornado, menos, verões, tendência, é e século291 palavras3 min. para ler
Inverno começa com manhã fria e sexta-feira de sol no RS - GeralVer imagem ampliada
Dia tem aquecimento rápido e máximas de 27°C à tarde

O sol brilha em todo o Rio Grande do Sul nesta sexta-feira. Mais uma vez são esperados amplos períodos de céu claro em todas as regiões. O dia que marca o início do inverno às 12h54min terá frio em todo o Estado na madrugada e no começo da manhã. São esperadas marcas ao redor de 0ºC em baixadas do Planalto e dos Aparados da Serra, com geada.

Aquece rapidamente com o sol durante a manhã e a tarde será muito agradável, mas na Metade Norte aquece mais e a região de Santa Rosa terá calor à tarde. Chance tanto de nevoeiro como de neblina em pontos localizados do Estado ao amanhecer.

As mínimas rondam 0°C em São José dos Ausentes e 4°C em Santa Rosa. As máximas, por sua vez, podem chegar a 25°C em Passo Fundo e 27°C em Santa Rosa. Em Porto Alegre, os termômetros variam entre 9°C e 23°C.

O inverno, que começa neste dia 21, tem se tornado menos frio e os verões mais quentes. A tendência é de temperatura na estação acima da média do século 20 em grande parte do Brasil. Haverá muitos dias quentes, alguns lembrando o auge do verão, sobretudo no Centro-Oeste e no Sudeste do país.

No RS, a estação que começa sob El Niño fraco no Pacífico, tende a ter igualmente temperatura acima das normais climatológicas no trimestre. Haverá mais dias amenos ou quentes que o normal, mas não significa que deixará de fazer frio. Os gaúchos enfrentarão dias frios e alguns até gelados. Julho deve ser, na média, o mês mais frio. Já a chuva deve também ficar acima da média com eventos de precipitação volumosa.

Correio do Povo 

Comentários#