Voltar ao topo.
Curta no Facebook:
Tempo em Nonoai - RS:
Tempo em Trindade do Sul - RS:
Tempo em Três Palmeiras - RS:
CPZ NotíciasNotícias de Nonoai e região em primeira mão
Última atualização:24 de outubro de 2018,
às 00:47

Cerca de 10 bairros registraram alagamentos em Chapecó

« Anterior« Última» Próxima» PrimeiraCategoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:telefone, ainda, tubulação, conseguiu, dar, vazão, quantidade e atingindo291 palavras4 min. para ler
Cerca de 10 bairros registraram alagamentos em Chapecó - GeralVer imagem ampliada
Diversos pontos de alagamentos foram registrados com a chuva torrencial que caiu em Chapecó no início da tarde desta segunda-feira (15). 
Bueiros e córregos não suportaram o grande volume de chuva registrado em pouco tempo e acabaram transbordando. A água acumulou nas ruas, avenidas e em alguns casos invadiu estabelecimentos comerciais e residências. De acordo com o Secretário de Obras e Infraestrutura de Chapecó, Ivaldo Pizzinatto, em aproximadamente 1h30min choveram cerca de 65mm.
O Corpo de Bombeiros recebeu diversos chamados de auxílios, principalmente na região dos bairros São Pedro e Alvorada, onde o grande volume de água deixou os moradores em alerta. Segundo os Bombeiros, não houve residências atingidas nestes locais.
Em nota, a Prefeitura Municipal de Chapecó, informou que foram registrados pontos de alagamento em aproximadamente 10 bairros do Município. Os mais atingidos foram: Centro, Maria Goretti, Pinheirinho, Passo dos Fortes, Líder e Eldorado.

Devido ao grande volume de chuva em pouco tempo, o Rio Passo dos Índios transbordou, represando água em parte da Rua Mato Grosso. Nos demais locais, a tubulação não conseguiu dar vazão a grande quantidade de chuva, atingindo outras ruas de Chapecó.

Ainda conforme a Prefeitura, as equipes das Secretarias foram acionadas e com auxílio de máquinas realizaram a desobstrução de bocas de lobo, tubulações e também a limpeza das ruas atingidas. Foram distribuídos cerca de 130 metros de lona para atender as demandas. Não houve registro de famílias desabrigadas ou desalojadas.

ORIENTAÇÃO: A Administração reforça a orientação da destinação correta do lixo, já que em muitos pontos os resíduos potencializaram o acumulo de água.

Em casos de emergência a população deve evitar o contato com  água, não dirigir em áreas alagadas, procurar abrigo em local seguro e entrar em contato com a Defesa Civil Municipal pelo telefone 199

Fonte:Clic RDC
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Comentários