Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Feito!
Erro!

Como cuidar da saúde em dias de baixa umidade

Voltar ↖Seguir ↘
Bertuol SupermercadosAnuncie aquiChapecarJG siteMossi Viagens e TurismoDatchiRádio Sul FMFarmáciaLanchonete Família VieiraShalon siteGDR SiteVidraçariaTissiani TelasJornal2º Racha Nonoai
« Última» PrimeiraCategoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:wh3, locais, recipientes, molhamento, jardins, possível, permanecer e protegidos319 palavras5 min. para ler
Como cuidar da saúde em dias de baixa umidade - Geral
Ver imagem ampliada
Em algumas cidades os índices estão abaixo dos 30% 
O tempo continua estável, com sol e poucas e nuvens no estado. Diante deste cenário, é importante reforçar os cuidados para manter a saúde mesmo com a baixa umidade relativa do ar. Os índices previstos para esta semana, especialmente no período da tarde, devem ficar em torno de 30% em algumas cidades, o que eleva os riscos de problemas de saúde e incêndios. 


Cuidados com a saúde 


Segundo a Organização Mundial da Saúde, a umidade do ar ideal deve ficar entre 50% e 80%. Além de provocar queimadas na vegetação, o ar demasiadamente seco pode agravar problemas de saúde, principalmente os relacionados ao sistema respiratório. Olhos, nariz e garganta sentem igualmente os efeitos. Pessoas com alergias também são bastante afetadas devido ao ressecamento das mucosas. 


►Entre 21% e 30% – Estado de Atenção 


- Evitar exercícios físicos ao ar livre entre as 11h e as 16h 


- Umidificar o ambiente através de vaporizadores, toalhas molhadas, recipientes com água, molhamento de jardins, etc. 


- Sempre que possível permanecer em locais protegidos do sol, em áreas vegetadas, etc.; 


- Hidrate-se bem, principalmente com água, sucos naturais e água de coco 


- Evite comidas com muito sal 


- Evite exposição prolongada em ambientes com ar-condicionado 


►Entre 12% e 20% – Estado de Alerta 


- Observar as recomendações do estado de atenção 


- Suprimir exercícios físicos e trabalhos ao ar livre entre as 10h e as 16h 


- Evitar aglomerações em ambientes fechados 


- Usar soro fisiológico para olhos e narinas 


►Abaixo de 12% – Emergência 


- Observar as recomendações para os estados de atenção e de alerta 


- Determinar a interrupção de qualquer atividade ao ar livre entre as 10h e as 16h, como aulas de educação física, coleta de lixo, entrega de correspondência, etc. 


- Determinar a suspensão de atividades que exijam aglomerações de pessoas em recintos fechados, como aulas, cinemas, etc. entre as 10h e as 16h 


- Durante as tardes, manter com umidade os ambientes internos, principalmente quarto de crianças, hospitais, etc. 


Fonte: WH3

Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarPin it

Comentários

Voltar ↖Seguir ↘