Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Feito!
Erro!

Autoflagelo de adolescente pode ser primeiro caso relacionado ao Baleia Azul na região

Voltar ↖Seguir ↘
Bertuol SupermercadosAnuncie aquiChapecarJG siteMossi Viagens e TurismoDatchiRádio Sul FMFarmáciaLanchonete Família VieiraShalon siteGDR SiteVidraçariaTissiani TelasJornal2º Racha Nonoai
« Última» PrimeiraCategoria:Geral
ImprimirReportar erroTags:news, escolas, popularização, criminoso, virou, problema, mundial e comunicados329 palavras5 min. para ler
Autoflagelo de adolescente pode ser primeiro caso relacionado ao Baleia Azul na região - Geral
Ver imagem ampliada
Foto: Facebook/Província FM/Reprodução
Em Tenente Portela pode ter ocorrido, nesta semana, o primeiro caso relacionado ao jogo Baleia Azul. Circula nas redes sociais a foto do autoflagelo de umaadolescente, de idade não divulgada, que cortou os pulsos como uma das etapas do jogo, cuja etapa final é o suicídio. A menor foi socorrida e recebeu atendimento. O caso foi divulgado na Página do Facebook da Província FM.
Conhecido como Baleia Azul, o jogo de internet pode estar levando jovens a mutilações corporais e até ao suicídio. A polícia investiga o jogo, praticado em comunidades fechadas de Facebook e Whatsapp. Ele instiga os jogadores, a grande maioria adolescentes, a cumprirem 50 tarefas, sendo que a última delas é o suicídio.
Um grupo, que seria da Rússia, está sendo investigado por induzir mais de 130 jovens, predominantemente na Europa, a cometerem suicídio desde 2015.
No Brasil, a imprensa divulgou recentemente alguns casos. Uma jovem de 16 anos, de Vila Rica (MT), cometeu suicídio, além de um menino de 19 anos, de Pará de Minas (MG), e as mortes foram atribuídas ao jogo Baleia Azul. Na Paraíba e no Rio de Janeiro já estão em andamento investigações referentes à recente popularização deste jogo criminoso.
O caso virou problema mundial, com comunicados aos pais em escolas da França, Inglaterra e Romênia, alertando as famílias de seus alunos para terem especial atenção com este jogo e comportamento de seus filhos.
O jogo partiria de uma página privada e secreta no Facebook, e um instrutor passa então alguns desafios aos seus novos jogadores. O jogo inicialmente inocente, torna-se mortal.
São propostos 50 desafios, como escrever com uma navalha o nome daquele grupo na palma da mão, cortar-se, desenhar uma baleia em seu corpo com uma faca, até o desafio final, que é tirar a própria vida.
Após a vítima iniciar os desafios, ela não pode desistir. Participantes teriam relatado que desistências são ameaçadas pelos administradores do game, sendo necessário ir até o final.


Fonte: Três Passos News 

Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarPin it

Comentários

Voltar ↖Seguir ↘